Grupo de Teatro Finos Trapos - 2016

Foto: Arquivo Finos Trapos

 

 

"Me reencontrei como artista no momento em que fui fisgado pelo Finos. Compromisso  que vem se tornando cada fez mais ardente, como numa relação amorosa. Quando se ama,não se está pensando em segurança, duração, controle ou coisa parecida."

Frank Magalhães

 

"Hoje enquanto Finos, sou mais forte, e é aqui nesse leito de ternura que encontro todos os dias, Frank, Polis, Chico e Tomaz com o mesmo desejo que tínhamos quando começamos, claro que mais maduros, mas estamos juntos, na alegria, na doença, na tristeza, na perda, nos encontros e desencontros, nos espetáculos que se foram e nos que virão, nos Projetos que passamos e nos que não obtemos êxito, nas oficinas que ministramos, nos resultados que alcançamos e nas pesquisas que desenvolvemos na Pós-Graduação. Encontramos todos os dias uma maneira de fazer teatro. Somos amigos, irmãos, companheiros e cúmplices uns dos outros. Gostamos de sentir o gosto de ser Grupo de Teatro"

Thiago Carvalho

 

"Os grupos de teatro, com a sua prática cotidiana, sobrevivendo a um contexto que valoriza o imediatismo e o individualismo, nos apresentam possibilidades de construção de conhecimento a partir do ideal do encontro, do estar junto, de enfrentar o terreno movediço da criação compartilhando o percurso de forma horizontalizada. Nos provoca o desafio de se reinventar a cada dia, a cada dificuldade, em cada novo espetáculo. Fazer parte desse Grupo é um aprendizado contínuo. Cada vez mais reitero o desapego como sendo um dos princípios fundamentais da criação compartilhada, própria dos grupos e tão bem exercitada dentro do ‘Finos’."

Francisco André

 

 

 

 

Fina Agenda Resumida

Blog