Foto: Leonardo Pastor

 

 

 

A Exposição Varal de Memórias é o mais recente projeto do Grupo de Teatro Finos Trapos idealizada no intuito de celebrar a memória. Teve sua primeira edição em 2016, na ocasião das comemorações do décimo terceiro aniversário do Finos. 

Exposição é uma homenagem. Ao teatro, aos grupos teatrais, às suas trajetórias, aos seus artistas, à sua memória. Uma celebração a nós, integrantes do Grupo de Teatro Finos Trapos que queremos comemorar a vida, a permanência, os sabores e dissabores deste permanecer, as vivências destes anos, os encontros, as experiências, os aprendizados e a maturidade que bate todos os anos à nossa porta.

Retrata momentos de bastidores, espetáculos ações de formação e projetos executados e idealizados por nós, integrantes do Grupo de Teatro Finos Trapos durante esse percurso de já quase quatorze anos de trajetória.  

O tema central da Exposição é a memória de um trabalho continuado que se configura em forma de espetáculos cênicos, vivências artístico-pedagógicas, troca de afetos e experiências de vida. Em especial, este Varal  presta uma homenagem a Roberto de Abreu (In Memoriam), artista e professor de teatro, um dos fundadores deste Grupo, onde permaneceu por quase 10 anos. Evoé para Beto!

 

  

Foto: Leonardo Pastor

 

 A primeira Edição da Exposição Varal de Memórias foi realizada no período de 09 de Abril a 21 de Maio de 2016 no Foyer do Espaço Xisto, Salvador-BA. Sua composição foi idealizada e executada na ocasião da realização do Projeto Afinações Ano 2, que reuniu distintas atividades - execução de oficinas, temporada de espetáculos, leituras dramáticas, execução de video documentário e a exposição - no intuito de ocupar e mobilizar artisticamente o complexo cultural da Biblioteca Pública do Estado da Bahia, localizada nos Barris.

No mesmo ano, logo após a sua primeira edição,  a exposição ocupou a Galeria Nilda Spencer no Foyeur do Teatro Martim Gonçalves, onde o público frequentador daquele equipamento cultural pôde prestigiar gratuitamente a exposição durante o período de 24 de Maio a 30 de Junho, marcando o aniversário de 13 anos de Fundação do Finos, comemorado no dia 04 de Maio.

Já no período entre 01 de Dezembro de 2016 e 30 de Janeiro de 2017 a exposição ocupou o Foyeur do Teatro Gamboa Nova (Largo dos Aflitos, Salvador) acompanhando as atividades daquele teatro, inclusive, a temporada de estreia do mais recente trabalho do Grupo - o MÓS AI QUÊ - realizado entre 07 e  18 de dezembro naquele espaço.

Atualmente, a Exposição acompanha as edições do Curso Alvenarias Cênicas  que será realizado nas cidades de Cachoeira, Alagoinhas, Guanambi, Vitória da Conquista e Senhor do Bonfim. De 15 de Abril a 29 de Agosto, distintos territórios de identidade do interior do Estado receberão a visita da Exposição, possibilitando a difusão do trabalho do Grupo Finos Trapos e o incentivo à preservação da memória artística e cultural da Bahia, elo ainda pouco incentivado pelas políticas públicas, em especial no campo das Artes do Espetáculo, que por sua natureza efêmera, necessita intensamente ter a sua memória preservada.  O Finos tem feito a sua parte. A Exposição Varal de Memórias é, sem dúvida uma iniciativa importante para a memória da cena baiana.

 

 

  

Foto: Leonardo Pastor

 

 

 Ficha Técnica da Exposição:

 

Realização: Grupo de Teatro Finos Trapos

Curadoria: Thiago Carvalho e Poliana Nunes

Consultor Fotográfico: Leonardo Pastor

Fotógrafos: Aldren Lincoln, Diney Araújo, Eduardo Oliva, Jamile Nogueira, Leonardo Pastor e Arquivo do Grupo Finos Trapos

Mediação Cultural: Criare Projetos Culturais e Educacionais  

Classificação: Livre!

Contato para solicitação da Exposição: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

 

 
 
 
 
 
Foto: Leonardo Pastor

Blog