Foto: Arquivo Finos Trapos

Essa frente de trabalho tem como objetivo a circulação, experimentação, e difusão de textos dramáticos nordestinos.  Desde 2008 o Finos Trapos, em parceria com atores convidados, vem realizando ciclos de leituras dramatizadas de textos inéditos e canônicos de autores nordestinos em sessões abertas ao público, oferecidas gratuitamente.

Cada leitura fica à cargo da direção de um membro Finos ou de um diretor convidado que tem o encargo de criar uma proposição cênica que escape ao modo tradicional de se realizar a leitura de um texto teatral. 

O elenco das leituras sempre é composto pelos atores do Grupo Finos Trapos e por atores convidados da cena teatral baiana.

Após a leitura dos textos, há ainda, um debate que tem sempre como eixos de abordagem os temas: dramaturgo, obra, identidade nordestina e dramaturgia na Bahia.

“Sotaque Nordestino” mostra-se como via alternativa de difusão e escoamento da produção da dramaturgia nordestina, tão pouco conhecida, analisada e experimentada, de modo geral, na cena baiana.

Os textos escolhidos sempre são  de dramaturgos nordestinos, sejam os já reconhecidos, sejam os novos autores. Também é um espaço de experimentação do Grupo Finos Trapos, onde apresentamos aos espectadores nossas dramaturgias em processo e textos ainda inéditos, sendo este importante via de análise da recepção estética dos nossos trabalhos elaborados a partir do processo colaborativo de criação e da dramaturgia da sala de ensaio.

 

Fina Agenda Resumida

Blog